4 Tipos de estoque. Você sabe diferenciá-los?

Você trabalha com produção e venda de produtos? Então com certeza você tem um estoque para administrar e organizar seus produtos.  E você sabia que os estoques são diferentes de acordo com o segmento da empresa? Alguns autores sabendo dessas diferenças classificaram os estoques em 4 tipos, que vamos te mostrar agora. 

Estoque Regulador: o estoque regulador é conhecido por muita gente como estoque de segurança, é quando a empresa armazena determinados produtos para que ele possa atender toda a demanda de clientes caso haja um aumento em algum período do ano, é para compensar incertezas, pode ser que tenha ou não procura, mas se tiver ele está garantido com o estoque. Um exemplo são empresas que vendem brinquedos, elas costumam manter estoque regulador para a época do natal, pois geralmente há um aumento considerável de vendas. 

Estoque de Ciclo: esse estoque é comum em empresas que não conseguem produzir todas as partes do seu produto juntas. Como por exemplo uma fábrica de móveis, ela precisa produzir o armário e as portas do armário, mas devido ao tamanho da empresa não consegue produzir os dois simultaneamente. Sendo assim ela produz primeiro uma determinada quantidade de armários e os mantém armazenados, e depois produz as portas que serão encaixadas nos armários. Isso é um ciclo produtivo, por isso chamamos de estoque de ciclo. 

Estoque de Antecipação: esse tipo de estoque é muito comum na indústria agrícola, é quando se armazena produtos para compensar quando o ritmo de produção agrícola diminuir em alguns períodos. Um exemplo é a produção de tomate, que é muito grande nas estações típicas da fruta e assim o produto é armazenado, para que nas outras estações também tenhamos o produto nas prateleiras. 

Estoque no Canal: são os produtos armazenados em trânsito, quando um produto sai da produção e vai para uma outra área, para uma outra armazenagem chamamos de estoque no canal.

E na sua empresa, qual o tipo de estoque? Nós mostramos os 4 principais tipos de estoque e que alguns especialistas consideram ser o mais adequado para gerenciamento de armazéns, porém, existem outras propostas de classificações. 

E se você quer saber um pouco mais sobre armazenagem acesso nosso blog lá tem diversas dicas para você.